domingo, 15 de janeiro de 2012

Rainha do Céu e dos Homens da barragem  de Camacupa
Senhor da fascinação

As Tuas palavras, o Teu olhar são como uma rede de onde não nos podemos livrar. A Tua Palavra é sempre uma Boa Notícia carregada de sinais de alegria e consolação. Fazes o convite à descoberta do lugar maravilhoso onde se experimenta o teu amor e o fascínio da Tua doçura.

A Tua mensagem é carregada de  alternativas para a vida. Como me agrada ao espírito essa Tua interrogação forte: quem buscais? A minha resposta por vezes é negativa e não tão incisiva como a dos que te perguntaram: Rabi, onde moras? Onde reclinas a cabeça? Num rasgo imediato de um convite cheio de coragem, dizes: Vinde! Vede!

Será que isto me basta? será que me deixo contagiar por essa incrível palavra de acolhimento, de aceitação dos meus tantos nadas e misérias? Será que mereço tal convite? 
Há, Senhor da beleza e do fascínio, meu espírito, meu ser, deseja ser Tua discípula, deseja o encontro secreto e afável contigo, a casa, não importa, apenas o coração transborda  ao pressentir que precisa de Ti e que o encontro pode acontecer a cada instante.

A Tua Palavra é a porta da minha Esperança. Nas horas de dor, Tu estás presente, na dúvida, Tu marcas a certeza. Na minha vida ficam os sinais do teu amor. 
Neste fascínio da descoberta deste Cordeiro de Deus que tira o meu pecado, descubro essa necessidade de mudança de vida, de ser diferente, de me deixar transformar por Ti.

Envia-me aos outros, desperta a minha vocação, faz-me acolhedora da Tua mensagem, deixa-me partilhar contigo a beleza da contemplação do Teu Rosto admirável no rosto dos irmãos.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.